São Luís

Dia 538

Já acordámos um pouco mais tarde e depois do pequeno almoço, fomos até ao hotel do dia interior. Quando lá chegámos o quarto ainda não estava pronto, mas deixámos as mochilas e fomos passear pelo centro histórico. Começámos por visitar a Catedral de Nossa Senhora da Vitória, que fica mesmo de frente para a praça Dom Pedro II e ao lado da estátua do Benedito Leite Maranhão. Daí, continuámos a andar pela Avenida Dom Pedro II e passámos em frente ao Palácio dos Leões, que é a Casa do Governador. Depois, descemos e fomos ao Mirante da Pedra da Memória, de onde se consegue ter a vista para o outro lado da cidade.
Voltámos em direção ao centro histórico, onde as ruas nos fazem lembrar o Bairro Alto em Lisboa. Caminhámos até à rua de Portugal, onde podemos ver muitas casas revestidas em azulejo, ainda dos tempos coloniais. Ainda passámos pela feira do Reviver, que é um complexo de edifícios onde se vende artesanato. Caminhámos mais um pouco e voltámos para o hotel. Como já estávamos com fome, voltámos ao centro e fomos almoçar a um restaurante que tinha pratos feitos. Quando terminámos de almoçar, descemos a rua até chegarmos ao mercado central de São Luís. Depois, fomos ao supermercado para comprar o jantar. De volta para o hotel, ainda passámos pela Igreja do Carmo. Aproveitámos o resto do dia para relaxar e atualizar o website.

Dia 539

Este dia foi passado entre aeroportos até chegarmos a São Paulo, às 22h50. O primeiro voo foi de São Luís para Belém às 11h40. O segundo voo de Belém para Belo Horizonte às 17h25 e finalmente de Belo Horizonte para São Paulo às 21h30. Quando chegámos a São Paulo, o Edson já estava à nossa espera. A viagem do aeroporto de Guarulhos até São Vicente, ainda demorou cerca de 1h30. Quando chegámos a casa da prima Agostinha e do primo Luís, por volta da 1h00 da manhã foi só mesmo enfiar o pijama e ir dormir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *