Bacalar

Dia 685

Pode-se dizer que este foi o nosso primeiro dia a sério no México, pois ontem já tínhamos chegado muito tarde. Depois de tomarmos o pequeno almoço, fomos dar uma volta até à zona do lago Bacalar. Depois de encontrarmos um ponto de acesso onde pudéssemos entrar, fomos nadar um pouco nestas águas azuis. Bacalar é muito conhecido pelo seu lindíssimo lago, apelidado lago das sete cores. Depois de termos desfrutado algum tempo, fomos almoçar. Antes, ainda passámos à frente do “Forte de San Filipe”, mas acabámos por não entrar. O restaurante que escolhemos, também tinha vista para o lago. Depois de almoço, optámos por usar o pontão mesmo à frente do restaurante. Estávamos a adorar este lago e quando o sol brilhava, podíamos ver todas as suas cores. Quando achámos que já tínhamos aproveitado bastante, voltámos para o alojamento. Pelo caminho, passámos na agência de autocarros “ADO” para comprar os bilhetes para o dia seguinte, pois íamos para Tulum. Pagámos 288 pesos mexicanos, cerca de 13 € por cada bilhete. Só saímos mais tarde para jantar e o resto do tempo foi passado a falar. À noite, apareceu-nos um gato bebe à porta e passámos o serão com ele.

Dia 686

Neste dia tínhamos uma viagem de autocarro até Tulum, mas como era só às 14h15, ainda tínhamos tempo para passear um pouco. Apanhámos um táxi até ao Cenote Azul, que fica a cerca de 5 km de Bacalar. Este cenote é aberto e não o achámos muito impressionante. Decidimos caminhar em direção a Bacalar e parámos na praia “Cocalitos”. Esta praia, além de ter um espaço grande a agradável, também tem Estromatólitos. Estromatólito pode ser classificado como uma rocha fóssil formada a partir de microrganismos em ambientes aquáticos, conhecidas como rochas vivas, pois estão sempre em crescimento. As redes que estavam na água também eram engraçadas, apesar de não serem muito cómodas, davam uma bela foto. Por volta das 12h30, apanhámos um táxi para voltar ao alojamento, almoçámos e dirigimo-nos para o terminal rodoviário. A viagem até Tulum durou cerca de 3 horas, por isso por volta das 17h30 já estávamos a chegar. Como o nosso alojamento ficava mesmo perto do terminal rodoviário, não foi preciso andarmos muito 😁. Ficámos alojados no hotel Arco Iris, que é praticamente novo e tínhamos um excelente apartamento com um quarto. Como já estava tarde para visitar alguma coisa, aproveitámos e fomos até à piscina. Mais tarde, fomos jantar peixe e marisco fresco ao restaurante “El Camello Jr”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *